Ir para o conteúdo principal
Notícias

Turismo de nascimento - DOS altera regulamentos de visto de visitante B

By 24 de janeiro de 2020Sem comentários

A partir de 24 de janeiro de 2020, os estrangeiros que solicitarem um visto de visitante não-imigrante B-1 ou B-2 para entrar nos EUA com o objetivo principal de obter a cidadania dos EUA para uma criança dando à luz nos Estados Unidos terão negado o visto. Esta alteração não se aplica a viajantes que buscam admissão nos EUA por meio do ESTA. Também não deve impedir que uma solicitante que esteja grávida e planeje dar à luz nos Estados Unidos obtenha um visto B se houver outros motivos para solicitar admissão. O ônus, é claro, recai sobre o solicitante de demonstrar que busca admissão nos Estados Unidos para fins consistentes com a classificação de visto solicitada.

O Departamento de Estado informou ao público que os funcionários consulares não perguntarão rotineiramente às candidatas sobre gravidez. Este tópico só será levantado se o oficial for uma “razão articulável para acreditar” que uma solicitante está grávida e planejando dar à luz nos Estados Unidos com o único propósito de obter a cidadania americana para a criança. A presunção do oficial é refutável.

Um requerente a quem o visto é recusado pode fornecer evidências para solicitar admissão nos EUA que não esteja relacionada ao parto ou que explique uma razão válida para dar à luz nos Estados Unidos.

Para mais informações, clique aqui.

Close menu